O técnico da equipe de aspirantes do Athletico, James Freitas, revelou que pretende fazer um rodízio na equipe durante o Campeonato Paranaense, porque a tabela apertada da competição exige.

“Eu penso que haverá necessidade, não só para nós, mas para todas as equipes que estão na competição, de rodar o elenco. Não tem como disputar uma maratona de jogos quarta e domingo. Com certeza a partir do terceiro jogo, os atletas começam a ter um déficit em relação à recuperação”, afirmou em entrevista coletiva, após a vitória por 1 a 0 sobre o Paraná, na Arena da Baixada.

+ Veja a tabela completa do Campeonato Paranaense

Freitas também disse que a vitória na estreia é importante para dar confiança aos jogadores, que vão ganhando maturidade ao longo do torneio.

“Eu tenho pontuado com os atletas que era importante a gente trabalhar forte para fazer esse primeiro jogo bem, responder bem fisicamente e tenho convicção que na medida que o campeonato vai transcorrendo a equipe vai maturando e melhorando não só a condição física, mas técnica e taticamente”, ressaltou.

O modelo de jogo adotado pelo treinador é o mesmo utilizado na equipe principal. A ideia é deixar o elenco ambientado, caso algum atleta seja promovido ao profissional. Para o goleiro Anderson, de 23 anos, a estratégia é importante.

“Isso é fundamental. Você está no Aspirantes e a qualquer momento pode estar no profissional. Então, você tem que estar com a mesma linhagem de trabalho para estar preparado”, considerou.

O próximo compromisso do Athletico écontra o Maringá, na quarta-feira (26), às 21h30, no estádio Willie Davids.

Participe da conversa!
0