O carioca Bruno Lazaroni será o responsável por comandar o time de aspirante do Athletico no Parananese. Filho do técnico Sebastião Lazaroni, Bruno, que está no clube trabalhando como auxiliar desde fevereiro, foi confirmado como técnico após a promoção de António Oliveira na equipe principal. A estreia de Lazaroni ainda não tem data confirmada.

Ex-meia, Bruno Lazaroni começou a carreira como jogador no Flamengo. Depois, atuou por Vasco, Bangu, América-RJ, Portuguesa, St. Gallen, da Suíça, Naval, de Portugal, e Al-Ettifaq, da Arábia Saudita. Ele encerrou a carreira precocemente aos 32 anos para iniciar a carreira fora do campo ao lado da pai.

Bruno iniciou os trabalhos com Sebastião Lazaroni, técnico com longa carreira e comandante da seleção brasileira na Copa do Mundo de 90, no futebol do Catar.

"Por tudo que ele viveu, eu costumo dizer que seria pouco inteligente da minha parte ter uma referência dentro de casa e não aproveitar, até mesmo pela carreira que ele construiu. Então, foi um sonho realizado", analisou Bruno Lazaroni, em entrevista ao site oficial do clube.

"Uma experiência curiosa foi quando o Brasil foi eliminado e meu pai voltou ao Brasil. Morávamos em uma rua sem saída no Rio de Janeiro e aglomerou uma quantidade enorme de jornalistas em frente a nossa casa. Pela quantidade de gente e pela exposição, fiquei uma semana sem ir pra aula, porque sempre tinham repórteres por ali", recorda Lazaroni.

Depois, Lazaroni foi contratado para trabalhar nas categorias de base do Botafogo. Ele ficou no clube carioca por quatro temporadas, chegou ao time principal onde foi auxiliar-técnico de Paulo Autuori, atual gestor atleticano. Lazaroni, inclusive, chegou a treinar o time principal do Fogão, rebaixado no último Brasileirão. Foram seis jogos, com duas vitórias, dois empates e duas derrotas.

"Eu cheguei no final do Campeonato Brasileiro e, nesse meio tempo, acompanhei as atividades dos Aspirantes. Então, foi um período importante para conhecer os jogadores de perto e é um prosseguimento do trabalho do António Oliveira e do [auxiliar] Bernardo Franco. Estamos tendo os encontros online, com atividades de análise e treinos físicos", explicou.

Participe da conversa!
0