Sob os 33ºC feitos em Curitiba na tarde deste domingo (23), o Athletico contou com um gol nos instantes finais para bater o Paraná na estreia do Campeonato Paranaense 2022.

O tento oportunista do jovem atacante rubro-negro Rômulo, após receber cruzamento da direta do atacante Julimar, transformou o desfecho de um clássico morno que vinha sendo marcado pela escassez de maiores oportunidades de ambos os lados.

Confira a tabela do Campeonato Paranaense

No primeiro tempo, uma chance para cada lado. No Tricolor, Pablo Thomaz recebeu sobra dentro da área, mas, disperso, foi pego de surpresa pelo adversário e não conseguiu finalizar bem. O jogador ex-Coritiba, por sinal, foi um dos destaques negativos pelo lado paranista na estreia.

Enquanto no Furacão, Reinaldo recebeu de Rômulo e chutou forte. O goleiro Gabriel Leite defendeu no reflexo e bola terminou na trave. Intervenção importante do goleiro paranista que, no entanto, demonstrou instabilidade e cometeu erros durante a partida.

No segundo tempo, o Athletico voltou melhor e arriscou algumas vezes. Instantes antes do gol da vitória, Julimar recebeu livre na área, pela direita, bateu cruzado, mas Rômulo chegou atrasado.

Instantes depois, novamente a dupla causou perigo, que dessa vez se provaria fatal: Rômulo recebeu cruzamento de Julimar e mandou para o fundo das redes, com um desvio repleto de oportunismo, batendo o goleiro Gabriel Leite e cravando o triunfo do time do técnico James Freitas.

A vitória será importantíssima para a jovem equipe rubro-negra ganhar confiança na sequência da disputa.

Os nomes de Athletico x Paraná

No Athletico, a dupla Rômulo e Julimar deu trabalho no ataque, criando boa parte das jogadas ofensivas. A receita deu certo e o camisa 9 garantiu o gol da vitória.

Enquanto o primeiro começou como titular e exibiu oportunismo no final da partida, o segundo entrou na etapa final e criou as principais oportunidades rubro-negras. Foi coroado com a assistência para o gol.

O recém-contratado volante Pablo Siles, 24 anos, que deve compor o elenco principal do Furacão, foi o ponto de equilíbrio do time. Mais experiente que os companheiros, teve atuação discreta, mas sólida, e provou que deve ser um dos nomes mais importantes do jovem elenco rubro-negro no Estadual.

O uruguaio provou ser capaz de impor tranquilidade em campo, especialmente diante de um elenco atleticano que mostrou nervosismo em momentos decisivos. O zagueiro Matheus Felipe, ex-CSA, também esteve sólido, enquanto o meia Jader também teve momentos positivos.

Pelo lado do Paraná Clube, o goleiro Gabriel Leite fez defesas importantes e poderia ter sido o destaque da equipe. No entanto, o arqueiro errou algumas saídas de bola atrapalhado com os pés e gerou certa instabilidade nos companheiros.

Já os volantes Moisés Gaúcho e Vinícius Kiss provaram que devem ser decisivos para a espinha dorsal paranista.

Mas, no geral, individualmente, o Paraná teve dificuldades técnicas para decidir a partida contra um elenco consideravelmente menos experiente. No setor ofensivo, em especial, a equipe expôs uma aguda carência.

Simbolizando a ineficácia do ataque tricolor, o atacante paranista Luis Felipe permaneceu em campo durante 12 minutos. O jogador entrou no segundo tempo, levou um cartão amarelo logo de cara e foi substituído pelo técnico Jorge Ferreira.

FICHA TÉCNICA
CAMPEONATO PARANAENSE
1ª rodada
23/01/2022

Athletico 1x0 Paraná Clube

Athletico: Anderson; Matheus Felipe, Luan Patrick e Lucas Fasson; Leonardo Ataíde (Julimar), Pablo Siles, Juninho (Davi Araújo) e Vinicius Kauê (Pedrinho); Jader (Daniel Cruz), Reinaldo (João Pedro) e Rômulo. Técnico: James Freitas

Paraná Clube: Gabriel Leite; André Krobel, Franklin, Luan e Juninho; Moisés Gaúcho, Vinícius Kiss, Gabriel Correia (Luis Felipe - Edson Junior), Brener (Thalysson Lalau) e Everton Brito; Pablo Thomaz (Ruan). Técnico: Jorge Ferreira

Local: Arena da Baixada
Árbitro: Murilo Ugolini Klein
Assistentes: Flavio Augusto Alves e Fernando Cesar Tobias
Gol: Rômulo, aos 51 minutos do 2º tempo.
Cartões amarelos: Anderson (CAP), Leonardo Ataíde (CAP), André Krobel (PRC), Pedrinho (CAP), Luis Felipe (PRC), Pablo Siles (CAP)

Participe da conversa!
0