O Athletico venceu o Cuiabá por 1 a 0, conquistou os primeiros pontos como visitante e entrou pela primeira vez no top-10 do Brasileirão. O atacante Vitor Roque saiu do banco de reservas para fazer o único gol do jogo deste domingo (29), na Arena Pantanal, pela oitava rodada.

Com o resultado, o Athletico, que era o pior visitante da competição, vence a primeira partida fora. Além disso, o Furacão, que só tinha ocupado a metade de baixo da tabela, assume o sexto lugar, agora com 12 pontos - o Cuiabá estaciona na 16ª posição, com oito pontos.

+ Cuiabá x Athletico: ficha e fotos

Cuiabá e Athletico ficam no 0 a 0 na etapa inicial
Cuiabá e Athletico ficam no 0 a 0 na etapa inicial| AssCom Dourado/Cuiabá

Superioridade e polêmica

No duelo deste domingo (29), Felipão não contou com o suspenso Hugo Moura e os machucados Christian e Canobbio. Com isso, o treinador deu oportunidade a Erick, Matheus Fernandes e Pedro Rocha. Mesmo fora de casa, o Athletico pressionou a saída de bola e criou boas oportunidades.

No melhor lance da etapa inicial, Pablo cabeceou na pequena área, e Walter espalmou para escanteio. O camisa 92, inclusive, chamou a responsabilidade e comandou o ataque rubro-negro. Contestado por parte da torcida neste retorno ao Furacão, Pablo vai recuperando a confiança e ganhando pontos com Felipão.

Para frear o ímpeto rubro-negro, o Cuiabá apelou para faltas. Só no primeiro tempo, Wagner do Nascimento Magalhães (RJ) mostrou três amarelos para jogadores do clube mato-grossense. Em um deles, o VAR sugeriu uma possível expulsão de Cristhian Rivas, mas o árbitro ignorou a gravidade do lance.

+ Confira a classificação do Brasileirão

Athletico soma os primeiros três pontos fora
Athletico soma os primeiros três pontos fora| AssCom Dourado/Cuiabá

Vitor Roque decisivo

Já no intervalo, o técnico interino William Araújo tirou os três amarelados do Cuiabá, Cristhian Rivas, Alesson e Felipe Marques. E o Dourado cresceu de produção. O Athletico recuou as linhas, apostou nos contra-ataques e sofreu sustos desnecessários, como em chute de Rodriguinho perto do gol.

Quando avançou a marcação, o Athletico retomou a superioridade na partida. Pablo - de novo ele - chutou no cantinho e obrigou Walter a mais uma defesa difícil. Pedro Henrique também parou no goleiro. Felipão, então, colocou Léo Cittadini e Vitor Roque nas vagas dos discretos Terans e Cuello.

E deu certo. Aos 40, Vitor Roque recebeu na área, brigou com a marcação e soltou a bomba, sem chance para Walter. Foi o primeiro gol do jovem, contratado do Cruzeiro por R$ 24 milhões. No final, o Cuiabá até esboçou uma pressão, mas o Furacão mostrou segurança e garantiu os primeiros três pontos fora.

Athletico volta a campo diante do Santos
Athletico volta a campo diante do Santos| Fabio Wosniak/Athletico

O Athletico, agora, terá uma rara semana livre para treinar. Os comandados de Felipão voltam a campo diante do Santos, no sábado (4), às 19h, na Arena da Baixada, pela nona rodada do Brasileirão. Para essa partida, o Furacão terá o volante Hugo Moura novamente à disposição.

Ficha técnica

BRASILEIRÃO
8ª rodada
29/05/2022

CUIABÁ 0X1 ATHLETICO

Cuiabá: Walter; Daniel Guedes, Alan Empereur, Marllon e Uendel; Cristhian Rivas (Camilo), Pepê e Valdívia (Marquinhos); Alesson (André Luis), Felipe Marques (Rodriguinho) e Jenison (Everton). Técnico: William Araújo (interino).

Athletico: Bento; Khellven, Pedro Henrique, Nico Hernández e Abner; Erick, Matheus Fernandes e David Terans (Léo Cittadini); Pedro Rocha (Rômulo), Cuello (Vitor Roque) e Pablo (Matheus Babi). Técnico: Felipão.

Local: Arena Pantanal (Cuiabá-MT).
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).
Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Luiz Claudio Regazone (RJ).
Gol: Vitor Roque (CAP) aos 40 do 2°T.
Cartões amarelos: Daniel Guedes, Cristhian Rivas, Alesson, Valdívia e Felipe Marques (CUI).

Participe da conversa!
0