O Athletico anunciou, nesta quinta-feira (8), que pretende entrar no grupo de empresas que está liderando o movimento para compras das vacinas contra a Covid-19, que teve o texto-base do Projeto de Lei aprovado pela Câmara dos Deputados.

De acordo com a nota oficial, o Furacão buscará a compra e disponibilização das vacinas para todos os seus funcionários, atletas, comissões técnicas e também para todos os Sócios Furacão que estão colaborando com o pagamento de suas mensalidades na pandemia, mesmo sem poder ir ao estádio.

O projeto de lei ainda será analisado pelo senado federal e, se aprovado, ainda passará por sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Confira a nota oficial do Athletico sobre a compra de vacinas:

Nesta semana a Câmara dos Deputados aprovou o texto-base do Projeto de Lei 948/21, que prevê a compra de vacinas contra a Covid-19 pela iniciativa privada. O projeto seguirá para análise do Senado Federal e, após aprovação, será necessária a sanção do Presidente da República para entrar em vigor.

O Athletico Paranaense pretende entrar no grupo de empresas que está liderando este movimento para compras das vacinas com intuito de auxiliar a vacinação em massa da população brasileira.

Em conjunto com os demais setores empresariais, o Athletico buscará a compra e disponibilização das vacinas contra a Covid-19 para todos os seus funcionários, atletas, comissões técnicas e também para todos os Sócios Furacão que estão colaborando com o pagamento de suas mensalidades na pandemia, mesmo sem poder ir ao estádio.

O Athletico convida a todas as instituições ligadas ao futebol para que também façam parte deste movimento para ajudar o nosso País a vencer a pandemia da Covid-19.

Participe da conversa!
0