Às vésperas da grande final da Copa do Brasil, o técnico do Athletico, Alberto Valentim, mudou o discurso e ressaltou que o título está "em aberto". No último domingo, logo após a derrota do Furacão para o Atlético-MG, por 4 a 0, no jogo de ida, em Belo Horizonte, o treinador praticamente "jogou a toalha".

Desta vez, em coletiva de imprensa realizada na tarde desta terça-feira (14), o comandante ressaltou que o time rubro-negro vai brigar pela taça até o fim. "Nós trabalhamos muito com vídeos para corrigirmos os erros para fazermos um jogo melhor e vencer essa partida. Qual será o placar? Depois vamos ver. É difícil, mas não está nada decidido", disse o técnico.

Alberto Valentim dispara contra arbitragem

Assim como no último domingo, o técnico Alberto Valentim mudou o discurso com relação às polêmicas de arbitragem ocorridas no jogo de ida. O pênalti envolvendo o meia Léo Cittadini foi pouco citado pelo treinador no pós-jogo do Mineirão. Na coletiva desta terça-feira, o técnico disparou.

"O erro da arbitragem desestruturou a nossa equipe. Eu gosto muito do VAR, ele veio para corrigir os erros humanos que existem. O VAR tem que existir no futebol. Mas, as interpretações estão sendo equivocadas. Espero que o VAR venha para ser justo com as equipes", criticou.

Árbitro Bruno Arleu de Araújo
Arbitragem foi muito questionada pelo Furacão.| Ramon Lisboa/EM/D. A Press
Participe da conversa!
0